Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

  

 

Planeta Criança



Poesia & Contos Infantis

 

 

 


Lessing, Doris
Lessing, Doris

Doris Lessing

 

 

Para Doris Lessing, a solidão experimentada na infân­cia e na adolescência foi fundamental na formação de sua sensibilidade e entendimento do mundo. Nasceu a 22 de janeiro de 1919, no Irã, onde seu pai era diretor de um gran­de banco. Logo depois, em 1924, sua família transferiu-se para a Rodésia (atual Zimbábue).

Aí, a autora viveu numa grande fazenda de milho e fumo. Seus vizinhos mais próximos encontravam-se a vários quilômetros de distância. Aos sete anos, foi para um inter­nato católico em Salisbury e não conseguiu adaptar-se; aos catorze, abandonou os estudos por uma educação autodidata. Para viver independente dos pais, trabalhou como telefo­nista e começou a escrever.

Em 1949, foi para a Inglaterra, deixando para trás a Rodésia, onde o contato com o racismo e a exploração dos negros aguçou sua consciência social. Durante algum tempo, militou no Partido Comunista, até desencantar-se de seus princípios. Ao publicar, em 1950, o primeiro livro, "The grass is singing”, provocou um escândalo na Rodésia e na África do Sul, sendo considerada persona non grata. O ro­mance conta a história de um nativo que assassina a patroa, sua amante.

Com o aparecimento de "O carnê dourado" (1962), a escritora ganhou projeção internacional. Neste livro, firmava as características de seu estilo: o lirismo sombrio, o equilí­brio entre raciocínio e intuição, a densidade narrativa. Em seguida, publicou "Os filhos da violência" (1965), onde a personagem central, Martha Quest, tem algo de autobiográfico: trata-se de uma mulher independente e engajada, que, na busca de um sentido para a vida, opta pelo não-conformismo. O tema se repete em "O verão antes da queda".

Mais tarde, em "Roteiro para um passeio ao inferno", Dóris Lessing aborda o tema da loucura e da sanidade através da aventura interior de um professor de literatura internado num hospital. Os padrões de normalidade são analisados como forma de con­trole social e atacados com brilho e originalidade.

Sua produção recente volta-se para a especulação visio­nária em torno de uma humanidade ameaçada pelo perigo da destruição total. Este é o cenário de "Memórias de um sobrevivente", onde um colapso atinge as bases econômicas e tecnológicas do mundo atual. A essa linha pertence tam­bém seu último romance, "Shikasta": uma fábula sobre a vida no planeta Terra depois de uma conflagração mundial.

 

 

 

 

A TERRORISTA

GATOS E MAIS GATOS  

MEMÓRIAS DE UM SOBREVIVENTE

OPERAÇÃO SALVAMENTO  

OS CASAMENTOS ENTRE AS

ZONAS TRÊS, QUATRO E CINCO

O SONHO MAIS DOCE  

O VERÃO ANTES DA QUEDA

ROTEIRO PARA UM PASSEIO NO INFERNO

SHIKASTA

 

 

 

 

  ... o encontro dos maiores autores da Literatura Mundial