Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

  

 

Planeta Criança



Poesia & Contos Infantis

 

 

 


Van Vogt
Van Vogt

A.E. Van Vogt

 

 

A. E. Van Vogt nasceu no dia 26 de abril de 1912 em Winnipeg, Canadá. Começou a escrever, aos vinte anos, literatura do gênero true confessions. Sua primeira obra de ficção científica foi o conto Black Destroyer, publicada na revista especializada Astounding Science Fiction, em 1939. Mudou-se em 1944 para os Estados Unidos, indo viver em Los Angeles.

Black Destroyer tornou Van Vogt famoso do dia para a noite. O título referia-se a um animal surgido no espaço, uma espécie de supergato, possuidor de inteligência excepcional e da singular faculdade de modificar a freqüência vibratória do metal. Seus contos seguintes foram, de certa forma, a repetição desse trabalho até que, em setembro de 1940, iria publicar o grande romance consagrador: Slan. Não mais bichos fantásticos em luta com naves espaciais, mas o homem e seus problemas, principalmente o da mutação, e todas as implicações decorrentes de uma transformação, sobretudo mental, dos seres humanos. Esses problemas passariam a ser uma constante em sua obra, bastante volumosa. Em 1969, durante a realização, no Rio de Janeiro, do I Simpósio de Literatura de Ficção Científica e Cinema, Van Vogt desenvolveu suas teorias numa admirável conferência, intitulada Problems of Mutants of the Human Race.

 

 

AS CASAS DE ARMAS

 

 

Carlos Cunha        Arte & Produção Visual

 

 

Planeta Criança                                                             Literatura Licenciosa