Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

  

 

Planeta Criança



Poesia & Contos Infantis

 

 

 


Victoria Holt
Victoria Holt

Victoria Holt

 

 

Eleanor Alice Burford, nasceu em 1 de setembro de 1906 , em Kensington, um subúrbio de Londres (Inglaterra). Seu pai, Joseph Burford, que sem trabalho constante, a ensinou a ler e incutiu no amor de leitura. Eleanor já estava lendo aos 4 anos de idade. Apenas terminando a educação primária, decidiu-se pela formação profissional, aprender taquigrafia, escrever à máquina línguas: francês e alemão, para poder trabalhar.

Nos anos 1920 casou-se com George Percival Hibbert (era a segunda esposa), um comerciante de couro, e partilharam a sua paixão por livros. Seu casamento deu-lhe a liberdade econômica para se dedicar ao seu sonho: escrever a sério, inspirada por seus autores favoritos: as irmãs Bronte, George Eliot, Charles Dickens, Victor Hugo e Leo Tolstoy. Escreveu uma história curta em 1941: Filha de Anna, que conseguiu vender com seu nome de solteira de Eleanor Burford, tornando-se um sucesso que lhe permitiu continuar a publicar.

Seu primeiro romance, um romance histórico, sob o pseudônimo de Jean Plaidy, que publicou alguns 90 romances foi publicado em 1949. Eleanor continuou a usar pseudônimos diferentes, tais como: Anna Percival, Elbur Ford, Kathleen Kellow e Ellalice Tate.

Mas, foi em 1960, quando na verdade alcançou fama internacional. Ela começou a publicar nos Estados Unidos e aconselhado por seu editor, emitiu seu primeiro romance gótico como Victoria Holt.

Escritora, com detalhes históricos bem documentados e com personagens femininas como absolutos protagonistas de suas histórias, foi o que a levou a obter fama, sucesso e milhões de leitores dedicados para suas histórias em mais de vinte idiomas. No total, ela publicou mais de 200 romances. A autora morreu em 18 de janeiro de 1993, durante uma viagem de prazer no mar Mediterrâneo, em algum lugar entre Port Said (Egito) e Atenas (Grécia). Ela teve que ser sepultada no mar.

 

 

AREIAS ASSASSINAS

MENFREIA 

 

 

  ... o encontro dos maiores autores da Literatura Mundial